Spitting Out.

Angústia eu não sentia há algum tempo. Mas voltou com força total.

Medo eu sinto sempre.

Raiva, todos os dias que vou à rua e preciso interagir com seres humanos lerdos.

Compaixão vem sempre que penso nos filhos que sonho em adotar .

Tristeza já faz parte de mim, mas tento mascarar vez ou outra.

Alegria? Sábados de tarde, lá pra 13 horas, quando acordo e não tenho nada pra fazer.

Dúvidas me rodeiam desde o último semestre de faculdade.

Paz é só o que quero, mas nunca procuro.

Alívio vou sentir algum dia, não sei quando.

Saudades constantes de alguns que me afastei. E de alguns que se afastaram.

Esperança matei na casa da minha avó. Duas. Ficaram lá pro ano passado.

Mas hoje eu só vivo com a angústia, que não dava o ar da graça há tempos.

E definitivamente hoje eu não vivo, não convivo tampouco me livro. Se alguém tiver um antídoto me avise.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s