Totalmente Fora de Moda…

Quanto mais o tempo passa, mais percebo o quanto me sinto sozinha neste mundo. Não de ser sozinha ou estar sozinha. Mas sozinha quanto aos meus pensamentos, princípios, ideais. Estou longe de ser tudo o que gostaria, o que Deus gostaria que eu fosse e o que as pessoas esperam de mim. Mas se tem uma coisa que meus amigos podem contar comigo sempre são atos de bondade. Porque eu sou boa, do fundo da alma. E pode parece falta de modéstia mas não é. É a simples constatação de que sou boa e isso definitivamente não é uma qualidade. Não nos dias de hoje, não neste século, não neste país.
Sou boa e incluindo uma única letra, minha bondade se resume: boba.
E parece que quanto mais os ano passam, mais bo(b)a vou ficando.
Quando mais nova, me achava e talvez agisse, da forma mais egoísta possível. Tudo pra mim, tudo eu, eu, eu, eu. Talvez fruto da minha criação, coisa de filho único.
E não sei se foi a vida, se foram minhas experiências ou mesmo o meio, me fizeram abandonar esse culto a mim mesma e pensar nos outros.
Enquanto uns ficam fulos porque fulano tá namorando ou vai casar, eu fico feliz. Não digo não sentir uma pontinha de inveja, afinal, quem não quer um par, não é?
Enquanto uns acham mais fácil odiar alguém por simplesmente odiar, algo dentro de mim pára pra pensar se não existe algo de bom. E eu também odeio, não tiro meu cavalo da chuva não. Mas confesso que nas minhas tardes solitárias ou noites insones eu realmente fico a pensar na justiça de julgar alguém por algo.

E tem mais. Acredito nas pessoas, no mundo, na paz mundial que nunca vai acontecer. No amor – mesmo que ainda não tenha verdadeiramente acontecido pra mim – na palavra dita, no segredo confessado. E vou pagando de trouxa até o 1º sinal de mentira. Não me passe a perna, por favor. Eu só faço existir desse jeito que sou.

Uma amiga um dia me escreveu: “É bem verdade que tem um capa de ‘gente forte e articulada’, mas por mais que pareça ‘do contra’, a **** sabe ouvir e sabe perguntar e sabe sentir. Muito sentimental essa menina. É só saber ver com cuidado.”
Foi uma das melhores definições sobre mim mesma. Acho que nem eu conseguiria ser tão exata.
Meus sentimentos predominam na minha vida. Principalmente os de esperança. Eu até minto e digo que não a tenho mais. Eu até finjo ignorar algo que me faça mal. Mas no meu cantinho escondido eu choro, fico com gritos e berros entalados na garganta e frases não ditas nos momentos apropriados.

Hoje, um dia em que tudo correu super bem, eu me decepcionei. Algo que parece tão pequeno mas que, vendo o contexto, vendo o passado, tem uma importância tremenda. E me mostra que a boba sou eu, na minha bondade finita (porque também não sou perfeita), que me permite fazer pelos outros o que outros não fariam por mim.
Quem sabe não é algo Freudiano dizendo que eu sinto a necessidade de ser aceita? Não duvido nada.

Mas, infelizmente, eu sinto, faço, falo, me preocupo, choro, oro, peço, imploro a Deus pelas pessoas à minha volta e seus anseios. Peço por mim também. Mas ver o sorriso dos outros me alegra, mesmo quando meu sorriso se esconde em lágrimas. Já que eu não sorrio, que sejam outros.
E nessa de sorrir pela felicidade dos outros, eu ajudo, coopero, sou solidária. De boba que sou. Já caí do cavalo 2 vezes e não aprendi. Mas a vida dá voltas, cada dia é um dia e posso eu ser hoje como uma borboleta, ainda lagarta, em seu casulo, esperando o momento pra voar.
E pode ser que nesse vôo, eu comece a olhar mais pra mim, pensar mais em mim, fazer tudo pra mim. Porque bobo é quem faz coisa pros outros. Que pensa nos outros. Que se alegra pelos outros.
Esse mundo é egoísta e a cada descoberta como essa vejo o quanto não estou no lugar certo.

Anúncios

Um comentário em “Totalmente Fora de Moda…

  1. Thati, amar ao próximo é mandamento e, ao mesmo tempo, é dom, pois é algo extremamente difícil…requer muitas vezes que abdiquemos do nosso ego e não estamos preparados para isso.
    Se ficar feliz por alguém ou fazer por outrem aquilo que talvez ela n fizesse por vc é ser boba, então o que está errado é o mundo e não você!
    Amo vc!!
    bjus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s