Sonhos*

Tenho sonhado. Sonhos loucos, sem sentido e muito bons, por vezes.

Sonho que viajo. E que vou a Paris. E por lá fico um bom tempo. Sonho que encontro uma pessoa e tudo fica muito especial, mesmo tendo a distância nos dado um chá de cadeira; mesmo sem saber o que realmente tem entre nós.

Sonho com tragédias, com segredos descobertos que afetam muita gente.

Sonho com tudo aquilo que meu coração deseja.

Sonho com dias melhores. Sonho até mesmo com os dias ruins que tenho tido.

Sonhar é algo muito divino. Nos permite viver, nem que seja por um instante, aquilo que tanto queremos. Ou mesmo nos dá um preview de coisas ruins que se passam na nossa cabeça.

Eu admiro, de certa forma, pessoas que vivem sonhando acordado, com dizem por aí. É, muitas vezes, viver na enganação, mas de certa forma elas vivem aquilo que desejam, fazem da vida aquilo que o coração manda.

Infelizmente tenho vivido muito a realidade. A realidade dos desejos não tidos, dos problemas não resolvidos. Vivo até mesmo a realidade dos problemas alheios. Vivo cultivando um sofrimento que não tem me levado a lugar nenhum. Não que eu queira vivê-los, mas eles são a minha realidade.

E agora só tenho feito questão de dormir, sem ao menos fazer algum esforço. Durmo pra viajar nos meus devaneios, viver a vida, viver, literalmente, meus sonhos. Viver de viagens em Paris, de trabalhos e mochilão nos EUA, de passeios e contratempos em Setembro, de um futuro de sucesso.

Sonho com palavras não ditas, as vinganças frustradas, atitudes não tidas. Sonho em voar e ser heroína. Sonho a vida que sempre quis ter.

Hoje não tenho muitas ambições. Dou-me por satisfeita – até segunda ordem – só em sonhar. Fugir um pouco da vida que tem me dado bofetões na face. Fugir das coisas que não sei consertar e daquelas que nem sei se devo.

Eu só quero dormir. Dormir um sono profundo, com sonhos que, mesmo que sejam ruins, são apenas sonhos. E eu vou continuar saindo no lucro.

 

* convenhamos, que título brega, mas não arranjei outro
p.s.:Como isso é possível? Passar mais de uma semana sem inspiração e de repente sua cabeça explode de pensamentos e idéias? Assim não dá, tem que ser em doses homeopáticas!
Anúncios